segunda-feira, 2 de julho de 2012

Vazamento de óleo interrompe pesca na Bahia


Um vazamento de óleo, que gerou uma mancha com ao menos quatro quilômetros de extensão, atingiu uma das mais tradicionais regiões pesqueiras na baía de Todos os Santos, próxima a Salvador.
O acidente ocorreu nas imediações do município de Madre de Deus (51 km de Salvador) no último sábado. O presidente da associação local de pesca, José Antônio Santos, disse que o desastre ambiental impede o trabalho de 1.422 pescadores.
O tamanho da mancha foi relatado pelos pescadores e confirmado pelo órgão estadual de ambiente da Bahia.
"Os mariscos que pescamos ninguém quer comprar. E os que cozinhamos ficam com gosto de óleo", conta Santos. Segundo ele, manguezais de municípios vizinhos também foram afetados.
O Inema (Instituto de Meio Ambiente e Recurso Hídrico) diz ainda não saber se o vazamento foi provocado por algum problema na Refinaria Landulpho Alves, que pertence à Petrobras, ou se o combustível foi liberado por algum navio.
Em nota divulgada ontem (17), a Capitania dos Portos informou que amostras da água foram retiradas para análise e elaboração de um laudo técnico ambiental.
Uma equipe do Inema esteve no local com equipes da Petrobras para fazer a limpeza da área.
O secretário do Meio Ambiente de Madre de Deus, Antônio Souza, disse que sobrevoou o local com especialistas e afirmou que mancha tem entre quatro e seis quilômetros de extensão.
Segundo o secretário, 80% do óleo derramado já foi retirado.
O Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente) disse ainda não ter um diagnóstico do problema.
A assessoria de imprensa da Petrobras informou que a estatal não provocou o vazamento, mas enviou uma equipe de limpeza para o local.
Fonte:Folha de São Paulo

Nenhum comentário:

Postar um comentário